Solicitação reembolso odontologia

O ressarcimento somente é efetuado em procedimentos em que é permitida a modalidade livre escolha: próteses, implante e ortopedia funcional até 16 anos. O beneficiário escolhe o profissional de sua preferência, credenciado ou não ao Saúde Caixa, que realizará a consulta inicial e o plano de tratamento com orçamento detalhado de cada um dos procedimentos a serem submetidos à autorização prévia.

É preciso  preencher Formulário Autorização prévia odontologia, e cadastrá-lo no SIGAD com grau de sigilo PESSOAL - DADOS DE SAÚDE, juntamente com os documentos pertinentes ao caso, como: orçamento e plano de tratamento detalhados com assinatura e carimbo do profissional responsável; exames de imagem conforme informado ao lado do tipo de tratamento escolhido no formulário.

Em seguida, tramitar para a Coordenação de Autorização do SIS (Coasis). E, posteriormente, agendar a perícia presencial pelo e-mail: odontologia@senado.gov.br com o envio dos seguintes dados:

  • Nome completo do beneficiário que será atendido;
  • Telefones para contato;
  • Turno de sua preferência (manhã ou tarde);
  • Número do documento SIGAD.
  •  

    Em razão da suspensão dos atendimentos presenciais do SIS, para enfrentamento à Pandemia COVID 19, em cumprimento ao disposto na publicação do APS 03/2020 em 16/03/2020, e prorrogada pelo APS 08/2020 até fevereiro de 2021, o SIS recebe a documentação referente às solicitações pelo e-mail seaben@senado.leg.br.

    Comparecer à auditoria no dia agendado com a documentação original. Após a análise da documentação e concedida a autorização prévia, o auditor da SIS irá emitir uma Guia de Autorização Prévia para ressarcimento de procedimentos odontológicos. O paciente poderá, então, iniciar o seu tratamento, devendo pagar pelos procedimentos realizados.

    Após o pagamento, com a nota fiscal ou o recibo em mãos, o beneficiário deve preencher o formulário (Solicitação ressarcimento odontologia) e inseri-lo no documento SIGAD de autorização prévia inicial, juntamente com outros documentos necessários à comprovação da conclusão do tratamento e tramitar novamente para a Coasis para análise.

    O valor reembolsado é parcial e limitado à tabela odontológica adotada pelo SIS, deduzindo-se a importância correspondente à sua participação financeira na despesa.

    O auditor do SIS faz a análise documental e, se necessário, convoca o paciente para uma auditoria final. Não havendo necessidade de análise final, o reembolso é autorizado e encaminhado para pagamento.

    Para atendimento de livre escolha nos demais estados da Federação, os documentos para solicitar a autorização prévia devem ser enviados por e-mail, para odontologia@senado.leg.br, ou pelos Correios ao protocolo da SIS (Senado Federal, Protocolo da SIS, Av. N2, Bloco IV, CEP 70165- 900, Brasília-DF), incluindo-se a identificação com os contatos do beneficiário e do profissional responsável.

    Para quem está fora do DF, seja para obtenção de Autorização Prévia, ou para Ressarcimento são analisados por via documental, incluindo o nome completo do beneficiário titular e o dependente que realizará o tratamento, endereço, nome completo e e-mail do prestador, através de documentação enviada por anexo de e-mail, conforme informado acima, ou pelos correios ao endereço: SENADO FEDERAL, SEABEN - Serviço de Atendimento ao Beneficiário do SIS - Protocolo do SIS, A m. N2, Bloco XVII -A, sala 21. CEP 70165-900, Brasília/DF.

    Para sanar dúvidas e ajudar aos que não têm acesso à intranet (beneficiários dependentes, aposentados, pensionistas ou procuradores e responsáveis legais) o SIS responde pelo (61) 3303.5000 ou pelos seguintes e-mails: sis@senado.leg.br; odontologia@senado.Ieg.br. O setor responsável responderá através de e-mail e prestará toda informação necessária para atendimento ao pleito, e enviará os formulários e requerimentos conforme o caso clínico.