CDH aprova projeto que tipifica o crime de exposição de intimidade na internet

09/08/2017, 18h28 - ATUALIZADO EM 10/08/2017, 10h12

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aprovou, nesta quarta-feira (9), um projeto que inclui no Código Penal o crime de “divulgação de cena de nudez ou ato sexual de caráter privado” e reconhece que a violação da intimidade da mulher configura violência doméstica, punível pela Lei Maria da Penha (PLC 18/2017). A proposta foi inspirada em um caso ocorrido no Paraná, quando a jornalista Rose Leonel teve sua intimidade exposta na internet por um ex-namorado. A relatora do texto, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), agradeceu à jornalista pela luta para punir a chamada “vingança pornográfica”. O projeto segue para votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). Ouça a reportagem de Marcela Diniz, da Rádio Senado.



Opções: Download