Pacheco reúne governadores para discutir agenda prioritária

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (Democratas-MG), em reunião remota, nesta sexta-feira (12), participou do Fórum de Governadores para abrir formalmente as conversas com os mandatários das 27 unidades da federação sobre a agenda prioritária dos estados no Parlamento.
12/02/2021 12:40

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (Democratas-MG), em reunião remota, nesta sexta-feira (12), participou do Fórum de Governadores para abrir formalmente as conversas com os mandatários das 27 unidades da federação sobre a agenda prioritária dos estados no Parlamento. Na discussão, questões urgentes, como as medidas para o combate aos efeitos perversos da covid-19, com a distribuição da vacina a todos os brasileiros, e ações voltadas para a proteção social, com a retomada do auxílio emergencial.

Aos governadores, Pacheco voltou a defender que o auxílio emergencial é uma "exigência" da situação no momento e que vai trabalhar, junto à equipe econômica do Governo e do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), para que as propostas de emenda à Constituição (PECs), que estabelecem um protocolo fiscal, sejam aprovadas. “É uma prioridade do Senado e deve ser também da Câmara. É uma realidade e não vamos fugir dela. A outra realidade, aflitiva, é o anseio das pessoas vulneráveis, extremamente necessitadas, de ter o socorro do estado”, disse.

O presidente do Senado também disse que vai trabalhar em pautas que busquem o equilíbrio fiscal, com objetivo de ajudar estados e municípios a equilibrarem as contas, tendo como contrapartida a recuperação da capacidade de pagamento. O tema será pauta de uma próxima reunião com os governadores, quando serão discutidos pontos da reforma tributária. “Sou um municipalista e defenderei sempre as pautas de interesse dos entes federados, principalmente naqueles temas que asseguram esse equilíbrio. E essa discussão estará dentro dos pontos da reforma tributária, que é essencial para o país”, afirmou.