Ferramentas Pessoais
Acessar

Emocionado, volto para casa, diz Davi, como presidente do Senado, em Macapá

Nesta sexta-feira (1º), o presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (Democratas-AP), iniciou uma viagem pelo Amapá que vai até 11 de março. É a primeira vez que ele volta ao estado depois de eleito para comandar o Congresso Nacional. Assim que chegou, o presidente foi recebido com festa agradeceu a todos o apoio e disse estar “emocionado” ao voltar para casa.
01/03/2019 19:50

Nesta sexta-feira (1º), o presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (Democratas-AP), iniciou uma viagem pelo Amapá que vai até 11 de março. É a primeira vez que ele volta ao estado depois de eleito para comandar o Congresso Nacional. Assim que chegou, o presidente foi recebido com festa agradeceu a todos o apoio e disse estar “emocionado” ao voltar para casa.

“Como macapaense apaixonado, estava ansioso para estar aqui. O Amapá e o Brasil vivem momentos históricos, de muita transformação. Os acontecimentos das últimas semanas exigiram muito de nossa presença e de nossa dedicação em Brasília. A energia do povo nos dá uma força inesgotável e tudo tem sido muito gratificante”, declarou Davi.

A bancada federal do Amapá também viajou ao estado para acompanhar o presidente em diversos compromissos, no decorrer dos próximos dias, com lideranças políticas locais e nacionais. Já nesta sexta, Davi e o grupo de parlamentares debateu com o prefeito de Macapá, Clécio Luís, investimentos em projetos de infraestrutura e desenvolvimento social para a capital.

“A natureza deste encontro, ao reunir a bancada do nosso Estado na Prefeitura de Macapá, já revela a grandeza do momento por que passamos. O Brasil conhece pouco o Amapá. Hoje, graças ao nosso trabalho, conhece um pouco mais. Como honrado filho da terra, muito obrigado pela calorosa recepção”, disse o presidente se declarando um “municipalista convicto”.

“Acredito que a transformação acontece nas casas, nas ruas, nos bairros. Em que pese a importância de Brasília, a cidade é o verdadeiro lugar onde vivemos”, completou.

A pauta municipalista esteve presente também durante o almoço com vereadores e, mais tarde, em sessão solene na Assembleia Legislativa do Amapá onde recebeu a Honra ao Mérito Legislativo. Ao ser condecorado, Davi fez questão de destacar que, na condição de presidente do Senado Federal, tem a missão e a responsabilidade de levar o nome do Amapá a instâncias e circunstâncias em que ele não costumava ter assento, trabalhando com transparência e engajamento pelo bem da população.

“Está em curso uma revolução de costumes cívicos e políticos. Na quadra em que estamos inseridos, o Brasil e o Amapá já não assistem passiva e resignadamente os descaminhos da velha política. As antigas e carcomidas práticas serão, pouco a pouco, substituídas por posturas e iniciativas virtuosas. Nesses novos tempos, tanto os detentores de mandato eletivo quanto os servidores públicos precisarão trabalhar de maneira engajada, transparente e ética”, defendeu Davi Alcolumbre.

No fim da tarde, o presidente compareceu à posse dos novos dirigentes do Tribunal de Justiça do Estado do Amapá para o Biênio 2019-2021. Foram empossados João Guilherme Lages Mendes como presidente, Sueli Pereira Pini, como vice e Eduardo Freire Contreras, corregedor-geral da Justiça. Na cerimônia, Davi reconheceu a relevância da Justiça e afirmou que não há país desenvolvido sem um Judiciário que lhe faça jus.

“Na qualidade de integrante do Legislativo, enxergo com especial clareza o valor do Judiciário. Afinal, eu pergunto, de que adiantariam as leis, sem alguém que as interpretasse e as aplicasse de modo correto? Na ausência dos magistrados, como saberíamos quem tem razão, quem é culpado e quem é inocente?”, chamou à reflexão o presidente do Senado.

Neste sábado (2), Davi Alcolumbre segue para o município de Santana, localizado no sul do estado e distante cerca de 17 km da capital, Macapá. Lá, participa de sessão solene na Câmara de Vereadores acompanhado da bancada federal do Amapá.

Galeria de fotos
https://flic.kr/s/aHsmBvrMXb