Ferramentas Pessoais
Acessar

Haddad visita Renan e pede urgência na votação do projeto que muda o indexador da dívida de Estados e Municípios

Secretaria de Imprensa da Presidência do Senado - Quarta-Feira, 20 de Fevereiro de 2013
20/02/2013 00:00

Em visita ao presidente do Senado, Renan Calheiros, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, pediu que o Congresso examine com rapidez o projeto de lei complementar, encaminhado pelo executivo, que altera a Lei de Responsabilidade Fiscal e muda o indexador da dívida dos Estados e municípios com a União.

Hoje, o saldo devedor é atualizado pelo Índice Geral de Preços (IGP-DI) mais juros que vão de 6% a 9% ao ano. Com a mudança, os juros deverão ser de 4% ao ano. O texto da proposta aguarda a votação da Câmara dos Deputados.

Para Fernando Haddad, a dívida do município de São Paulo é insustentável. "Temos que encontrar um conjunto de medidas reestruturadoras para que São Paulo recupere sua capacidade de investimentos", afirmou o prefeito.

O presidente do Senado, senador Renan Calheiros, manifestou apoio ao pleito de São Paulo e disse que o projeto será analisado com rapidez pela Casa.

 

Secretaria de Imprensa da Presidência do Senado