08/11/2017
Registro compulsório dos casos confirmados de câncer
Projetos que exigem que casos confirmados de câncer sejam notificados ao poder público têm o apoio de internautas

A última enquete realizada pelo DataSenado avaliou a opinião de internautas sobre os projetos de lei em tramitação (PL 8470/2017 e PL 8478/2017), que tornam obrigatória a notificação ao poder público dos casos confirmados de câncer. A maioria dos respondentes (88%) manifestou opinião favorável às propostas.

 

Os projetos de lei visam melhorar o monitoramento dessa política pública de saúde, bem como reduzir o tempo de espera para o início do tratamento de pessoas com câncer. Para 83% dos respondentes, a aprovação do projeto trará melhora no monitoramento da política pública contra o câncer, enquanto 12% consideram que, com a medida, esse monitoramento irá permanecer igual (9%) ou piorar (3%).

 

 

Quanto ao tempo de espera para iniciar o tratamento de pessoas com câncer, 55% dos internautas consideram que esse tempo de espera irá diminuir. Por outro lado, 32% acreditam que o tempo de espera para o início desse tratamento irá aumentar (19%) ou irá permanecer igual (13%), caso as proposições sejam aprovadas.

 

 

A enquete, realizada em parceria com a Agência Senado, ficou disponível no portal do Senado na internet entre os dias 1º e 31 de outubro. Neste período, foram recebidas 215 respostas.

Os resultados refletem a opinião dos que participaram da enquete no portal do Senado Federal. Os números não representam a opinião da totalidade da população brasileira.