09/03/2018
Desconto no valor do seguro obrigatório
Internautas apoiam projeto de lei que prevê desconto no DPVAT para condutores que não tenham se envolvido em acidentes e nem cometido infrações graves

A última enquete realizada pelo DataSenado avaliou a opinião de internautas sobre o projeto de lei em tramitação no Congresso (PLS 464/2016) que determina a redução do valor do seguro obrigatório para motoristas que não se envolverem em acidentes e nem cometerem infrações graves ou gravíssimas. Mais de 90% dos respondentes se mostraram favoráveis à proposta.

 

 

Segundo o projeto, para receber o desconto, motoristas têm de ficar três anos sem se envolverem em acidentes ou cometerem infrações graves ou gravíssimas. Mais da metade dos participantes acredita que esse tempo dever ser menor que três anos e outros 37% concordam com o tempo proposto pelo projeto de lei. Apenas 10% responderam que o tempo deve ser maior.

 

 

Em contrapartida, para aqueles que tenham se envolvido em dois ou mais acidentes ou cometido infrações graves ou gravíssimas nos três anos anteriores, o PLS 464/2016 propõe um aumento no valor do seguro obrigatório do veículo. Essa medida recebeu o apoio de 58% dos internautas, ao passo que 38% votaram contra.

 

 

Quando questionados sobre o comportamento dos condutores no trânsito, mais de 70% dos respondentes consideram que, caso o PLS 464/2016 seja aprovado, haverá melhora. Por outro lado, 15% acreditam que o comportamento permanecerá igual e 2% entendem que vai piorar.

 

A enquete, realizada em parceria com a Agência Senado, ficou disponível no portal do Senado na internet entre os dias 1º de fevereiro de 2018 e 28 de fevereiro de 2018. Neste período, foram recebidas 205 respostas.

 

Os resultados refletem a opinião dos que participaram da enquete no portal do Senado Federal. Os números não representam a opinião da totalidade da população brasileira.