Interlegis e Escola de Governo do Senado/ILB lançam novos sites institucionais

As novas páginas, que passam a fazer parte do Portal do Senado, apresentam um design mais moderno, com fácil navegação e foram estruturadas para um melhor atendimento ao público.
27/04/2021 21:05

Nesta quinta-feira (29), o Interlegis e a Escola de Governo do Senado/ILB irão ganhar novos sites. A cerimônia de lançamento será às 15h, com transmissão ao vivo pelo canal do Interlegis no YouTube. Além da apresentação dos novos sites, está programado um bate papo com o jornalista da TV Senado, Ronaldo Martins, sobre comunicação digital, comunicação na pandemia e a importância do Interlegis e da Escola de Governo no assessoramento tecnológico e formação de pessoal das Câmaras Municipais e Assembleias Legislativas. O senador Carlos Viana (PSD-MG) irá participar do evento.
Para o senador, o Interlegis e a Escola de Governo do Senado/ILB são fundamentais para reforçar o papel do Poder Legislativo na sociedade.
— Um dos caminhos que considero, entre os mais qualificados, para mudar essa situação de descrédito do Legislativo é o trabalho do Interlegis e da Escola de Governo do Senado. A qualidade dos serviços prestados, a tecnologia moderna à disposição das Câmaras Municipais e Assembleias Legislativas e os cursos de altíssima qualidade, tudo de forma gratuita, tem ajudado muito nessa compreensão sobre o papel do Legislativo. Inclusive para que os servidores municipais e estaduais entendam a importância da nossa função na vida pública — avaliou Viana.
A abertura da cerimônia será do diretor-executivo do Interlegis/ILB, Márcio Coimbra, que destaca o trabalho de modernização dos canais de comunicação e de atendimento ao cliente, neste período de pandemia.
— Vamos dar um passo importante na nossa missão de modernizar e capacitar o Legislativo brasileiro. Tanto o Interlegis, que atende as Assembleias Estaduais e Câmaras Municipais de todo o Brasil, quanto a Escola de Governo/ILB, que promove capacitação para servidores do Legislativo, vão aprimorar ainda mais os serviços prestados. Nessa nova realidade, imposta pela pandemia, estamos disponibilizando um atendimento mais ágil e novas modalidades de ensino remoto. Tudo pela tela do computador ou do aparelho celular — afirmou Coimbra.
Para o coordenador-geral do Interlegis/ILB, Luis Fernando Machado, a iniciativa de reformular os sites institucionais se insere no processo de transformação digital que vem ocorrendo no mundo.
— Em nova roupagem, esses sites comunicam de forma clara, disponibilizam conteúdo confiável, com design focado na facilidade de acesso e responsividade. Estamos preparados para atender às demandas que acompanham a revolução digital que estamos vivenciando — ressaltou.
Acessibilidade e responsividade, aliás, foram prioridades para a modernização promovida pelo Prodasen, para garantir o atendimento adequado a pessoas com deficiência e para promover uma boa experiência aos usuários em qualquer dispositivo, como computadores, celulares ou tablets. Segundo o coordenador de Educação Superior do Interlegis/ILB, Floriano Filho, a nova página da Escola de Governo do Senado vai aprimorar a comunicação com alunos e professores.
— O novo site reflete as transformações pelas quais o Interlegis e a Escola de Governo do Senado passaram nos últimos dois anos. A plataforma, além de bonita e amigável, estrutura melhor as informações. Agora, é possível conhecer mais a fundo nossos serviços e cursos. É um ambiente feito para atender melhor às necessidades dos nossos alunos, atuais e futuros, e dos professores — explicou Floriano.
Já a reformulação do site do Interlegis vai melhorar o atendimento ao público composto por parlamentares e servidores de Casas Legislativas de todo o Brasil, de acordo com o coordenador de Planejamento e Relações Institucionais do Interlegis/ILB, David Varchavsky.
— A oferta de produtos e serviços sem custo e a ênfase no atendimento descomplicado às Câmaras Municipais e Assembleias Legislativas torna o portal um verdadeiro "hub" de informações, interação e boas práticas para o exercício da cidadania. O novo portal irá promover o crescimento do número de Casas parceiras e a consequente participação dos cidadãos no processo democrático — reiterou o coordenador.
A transmissão da cerimônia de lançamento dos novos sites no YouTube terá um chat para que os cidadãos possam opinar e enviar comentários durante o evento.