05/04/2021
Pesquisa: coronavírus
Brasileiros apoiam iniciativas do Senado no combate à pandemia

Com vistas a reforçar a vacinação contra a Covid-19 no Brasil, o presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (DEM∕MG), solicitou ao Congresso dos Estados Unidos autorização para comprar o estoque de vacinas americano que não tenha previsão de uso naquele país. Dados da pesquisa mostram que a medida é considerada muito importante por 63% dos brasileiros.

 

 

O levantamento também revela que 96% dos brasileiros aprovam a iniciativa do Senado de usar as economias do seu orçamento para auxiliar o Sistema Única de Saúde, o SUS, na compra de vacinas contra a Covid-19.

 

 

Fraude na aplicação de vacina deve ser crime segundo brasileiros

De acordo com a pesquisa, 93% dos brasileiros defendem a criminalização de fraudes cometidas por profissionais de saúde na aplicação de vacinas e medicamentos. Nesse grupo, 81% também acreditam que a pena deve ser aumentada caso a fraude ocorra durante campanhas de vacinação.

A medida está prevista no PL 505/2021, de autoria do senador Lucas Barreto (PSD/AP), e propõe penalizar tanto a fraude e a simulação de administração como a administração em desacordo com normas técnicas vigentes.

 

 

 

Além disso, considerando-se o plano nacional de imunização contra a Covid-19 e as regras para vacinação ordenada da população, 82% dos brasileiros acham que ‘furar' a fila da vacina deve ser crime. O enquadramento penal está previsto no PL 15/2021, de autoria da senadora Eliziane Gama (Cidadania/MA) e no PL 25/2021, de autoria do deputado federal Fernando Rodolfo (PL/PE), ambos em análise no Senado Federal.

 

 

Em relação à circulação de pessoas já vacinadas contra a Covid-19, a maioria dos brasileiros (73%) concorda que seja exigida delas a apresentação de comprovante de imunização como requisito para acesso a locais que prestam atendimento à população. A medida está prevista no PL 883/2021, proposto pelo senador Jader Barbalho (MDB/PA), e deve valer para pessoas da faixa etária em que a vacinação já tenha sido feita.

 

 

A maioria dos brasileiros (83%) também é a favor da concessão de pensão por morte a criança ou adolescente cujo genitor, desde que não filiado a regime de previdência social, venha a falecer em decorrência do coronavírus. A prestação do benefício foi proposta pelo senador Rogério Carvalho (PT/SE), por meio do PL 887/2021.

 

 

 

 

Metodologia

No dia 25 de março, foram entrevistados por telefone 1.000 brasileiros de 16 anos ou mais, em amostra representativa da opinião da população brasileira. As amostras do DataSenado são totalmente probabilísticas. Nas entrevistas, são feitas perguntas que permitem estimar a margem de erro para cada um dos resultados aqui divulgados, calculados com nível de confiança de 95% (Anexo 1 do relatório completo). Dessa forma, não existe uma única margem de erro para toda a pesquisa (aproximação usual em pesquisas que não são totalmente probabilísticas). As entrevistas foram distribuídas por todas as unidades da Federação, por meio de ligações para telefones fixos e móveis, com alocação proporcional à população de cada UF.