Ferramentas Pessoais
Acessar

Brasileiros acham que os senadores podem ajudar a evitar tragédias ambientais

Resultados de pesquisa realizada pelo DataSenado sobre o meio ambiente apontam que 85% das pessoas ouvidas acreditam que o trabalho de senadores pode ajudar a evitar desastres ambientes, como os que ocorreram em Brumadinho e Mariana.
21/05/2019 17:32
Brasileiros acham que os senadores podem ajudar a evitar tragédias ambientais

Instituto DataSenado

O Instituto DataSenado realizou pesquisa nacional para avaliar a opinião da população brasileira sobre a importância do meio ambiente, as principais ameaças e o papel dos senadores na prevenção de tragédias ambientais.

Para realização da sondagem, foram entrevistados 1.161 cidadãos de todas as unidades da Federação, por meio de ligações para telefones fixos e móveis, realizadas de 6 a 25 de março de 2019. A amostra é estratificada, totalmente probabilística, com distribuição proporcional à população de acordo com os dados mais recentes do IBGE. A margem de erro é de 2,9 pontos percentuais com nível de confiança de 95%.

Brasileiros acham que os senadores podem ajudar a evitar tragédias ambientais

Tendo em vista o impacto social das tragédias ambientais que ocorreram no Brasil nos últimos anos, como o rompimento das barragens em Brumadinho e Mariana, o Instituto DataSenado realizou pesquisa nacional para avaliar a opinião da população sobre o meio ambiente e o papel dos senadores na prevenção de desastres ambientais como esses que aconteceram em Minas Gerais.

Para quase metade dos respondentes, a principal forma de evitar situações como as que ocorreram em Mariana e Brumadinho é fiscalizar mais as empresas, seguida de fazer leis mais rígidas (18%) e aplicar punições mais rigorosas (16%).

 

 

Para 85% das pessoas ouvidas, o trabalho dos senadores pode ajudar a evitar tragédias ambientais. Sobre as possíveis iniciativas parlamentares sobre o assunto, todas foram apontadas como importantes por mais de 90% dos participantes.

 

 

 

Punição mais rigorosa para danos ambientais

Quando perguntados sobre as empresas que causaram danos ambientais e ainda não indenizaram as vítimas, a maioria é a favor que elas sejam impedidas tanto de renovar licenças (65%) quanto de obter novas licenças ambientais (66%). Para 66% essas empresas também não deveriam ser contratadas pelo Poder Público.

 

 

Os respondentes também se posicionaram a favor de tornar crime hediondo (crime mais grave com cumprimento de pena de forma mais rigorosa) a poluição ambiental que resulte em morte.

 

 

Para brasileiros meio ambiente não está sendo protegido

Para 98% brasileiros, o meio ambiente é muito importante para o país e mais de 90% acreditam que é possível conciliar o desenvolvimento econômico com a preservação ambiental. No entanto, nove em cada dez pessoas acham que o meio ambiente não está sendo protegido adequadamente.

 

 

 

Principal ameaça é falta de conscientização das pessoas

Sobre as ameaças ao meio ambiente, a maioria respondeu que a falta de conscientização das pessoas, os interesses políticos e a falta de fiscalização, com 56%, 42% e 39%, respectivamente, são as principais ameaças. Para 45% dos respondentes, o principal responsável pela preservação do meio ambiente é a população brasileira, seguida do governo federal, 31%.

 

 

 

registrado em: , ,