Ferramentas Pessoais
Acessar

Exposição retrata o universo feminino de detentas da penitenciária do DF

17/02/2016 10:06

“Esperança, coração partido” chega ao Senado com 13 pinturas realizadas pela artista Valéria Diniz

 

Foi aberta nesta segunda-feira (15) a exposição “Esperança, coração partido”, que ficará no Espaço Cultural Ivandro Cunha Lima até o dia 25 deste mês. A mostra é resultado de projeto realizado na Penitenciária Feminina do Distrito Federal, conhecida por Colméia, em que a artista plástica Valéria Diaz inspirou-se para pintar as 13 telas.

O projeto foi desenvolvido com o intuito de retratar o universo de mulheres presidiárias com bom comportamento, além de elaborar oficinas de pintura. As obras foram baseadas na vida de 13 detentas e tinham como alvo fazer o resgate da autoestima e do orgulho de ser mulher.

O acrílico sobre alumínio, técnica usada pela artista, faz referência ao estilo pop art, caracterizado pela inspiração visual na linguagem popular dos quadrinhos e da publicidade. Por meio disso, os traços faciais das modelos, muito deles com marcas das experiências vividas, passaram por uma releitura com a intenção de realçar a percepção que vai além da contraventora.

A cada pintura, foi atribuído um soneto, de autoria do poeta João Santana, como forma de proporcionar ao público um intercâmbio de linguagens.

A artista

Valéria Diaz é pernambucana, residente no Distrito Federal, onde desenvolve diversos projetos relacionados às artes plásticas. Formada em desenho industrial, a artista possui um currículo com várias exposições premiadas no Brasil e no exterior.

 

Fonte: Portal Senado Federal