e-Cidadania
Ferramentas Pessoais
Acessar
Ideia Legislativa
Pior do mundo - Considerada pela medicina - Neralgia do trigêmio Nervo responsável pelos movimentos da face, o sofrimento causado pela
Suicídios causados pela neuralgia do trigêmeo Apesar da doença atingir quatro a cada cem mil pessoas, o mal é um dos que mais causam, ou fazem doentes pensar em cometer suicídio. A dor é tamanha que alguns dizem parecer passar um fio elétrico pelo rosto. A vontade de tirar a própria vida, atinge em especial portadores da doença que passaram por várias cirurgias, e mesmo assim não obtiveram melhora. Outra causa comum é o fato deles não conseguirem trabalhar, mas não terem uma renda. Causa da doença A principal causa é o aperto do nervo trigêmeo por uma artéria que fica dentro do crânio, fazendo ela pulsar sobre a raiz nervosa. Tumores intracranianos e esclerose múltiplas também são outras causas. Abaixo-assinado Abaixo assinado para que ela seja incluída no artigo 151 da lei 8.213/91, pois mesmo com a OMS reconhecendo-a como a pior dor de todas, órgãos responsáveis por incluí-la na lei recusam-se. O abaixo assinado é uma tentativa de fazer com que pessoas que sofrem com a neuralgia, ou nevralgia do trigêmeo possam se concentrar no combate a sua doença,...
Por que a Neuralgia do Trigêmeo deve ser incluída no art. 151 da Lei 8.213/91? * A neuralgia do trigêmio, também conhecida como nevralgia, é uma dor que acomete metade da face, ela dura alguns segundos e pode ser sentida através de intensas pontadas, choques ou agulhadas, mesmo depois desses poucos segundos a dor permanece com grande intensidade. O sofrimento causado pela doença é maior que a dor do parto e cólicas renais, segundo o médico especialista Manoel Teixeira. De acordo, ainda, com o doutor Teixeira, a única dor que, em uma escala de zero a dez, pode chegar ao número máximo é a neuralgia do trigêmeo, porém, ainda assim, ela não está incluída na lei da previdência social. Por que ela deve ser incluída no INSS e Previdência Social? Para uma doença ser incluída na lei 8.213/91, ela precisa fazer com que o cidadão se torne incapaz de trabalhar, temporariamente ou em um período indeterminado, que é o caso da nevralgia. Há relatos de pessoas que sofrem da disfunção, em que não é possível dormir, escovar os dentes ou receber um simples beijo no rosto, e acabam tendo suas vidas sociais e amorosas prejudicadas. A doença ataca o quinto nervo craniano, que é chamado de trigêmeo, pois é dividido em três partes o: V1, V2 e V3. Em tempos de crise, a pessoa que tem o distúrbio, não consegue levar uma vida normal, precisando muitas vezes se intoxicar com remédios fortes, alguns deles como efeito colateral, tira a vontade e comer e ânimo, dá tontura e perda do equilíbrio.
406 apoios
20.000

Compartilhe

Data limite para receber 20.000 apoios
03/01/2017
Ideia proposta por
SIDNEI RODRIGUES DOS SANTOS - MG

Confirma?