Merenda nas escolas públicas

Enquete revelou 84% de apoio ao PLS 409/2011, que prevê a responsabilização, na esfera administrativa, civil e criminal, dos gestores públicos que não garantirem a alimentação escolar aos alunos da educação básica, conforme as necessidades nutricionais desses alunos.
22/02/2012 23:00
Merenda nas escolas públicas

Foto: Pedro França

Enquete realizada pelo DataSenado entre os dias 01 e 15 de fevereiro obteve maioria dos votos favoráveis à proposta do PLS 409/2011, de autoria do então senador Eduardo Amorim. O projeto prevê a responsabilização, na esfera administrativa, civil e criminal, dos gestores públicos que não garantirem a oferta da alimentação escolar aos alunos da educação básica, em conformidade com as necessidades nutricionais desses alunos, durante o período letivo. Dos 2.069 internautas que participaram da sondagem no site do Senado, 84% votaram a favor da proposição, enquanto 16% desaprovaram a iniciativa.

Alguns dos participantes, além de registrar o voto, enviaram considerações sobre o projeto. Uma manifestação sintetizou o sentimento da maioria das mensagens, bem como da maioria dos votantes: "incluindo a discussão dentro de um aspecto social e cultural, a necessidade de uma merenda no âmbito escolar é muito mais do que uma simples refeição, é alimentar de fato crianças que não têm nada para comer em casa, que possuem taxas nutricionais muito baixas e que tudo isso irá refletir no desempenho escolar da criança e no seu próprio crescimento biológico. É fato que o poder coercitivo, sendo este monopólio do Estado, irá obrigar instituições de ensino, sob pena de estarem cometendo um ato ilícito a fornecer merenda para os aluno, e deve haver fiscalização na qualidade das merendas".

Período:01/02/2012 a 15/02/2012
Número de votos: 2.069
Você é a favor ou contra projeto que torna crime deixar de fornecer merenda nas escolas públicas (PLS 409/2011)?
registrado em: ,