Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil


Externa

CE aprova texto sobre monitoria originado do Projeto Jovem Senador de 2017

Agência Senado

As atividades de monitoria no ensino médio deverão ser reguladas por normas dos sistemas de ensino. É o que prevê o Projeto de Lei do Senado (PLS) 170/2018, aprovado nesta terça-feira (25) pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE). A matéria segue para votação no Plenário do Senado.

O projeto foi sugerido por estudantes que participaram em 2017 do Projeto Jovem Senador, que seleciona anualmente, por meio de um concurso de redação, estudantes do ensino médio de escolas públicas estaduais para vivenciarem o trabalho dos senadores em Brasília. Ao final de cada edição, os “jovens senadores” apresentam sugestões de lei que, caso aprovadas na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), passam a tramitar como projetos de lei, como é o caso do PLS 170/2018.

Nota do JS: os jovens senadores proponentes da matéria estão listados na coluna à direita, com link para seu perfil e redação.

Veja o texto completo da matéria no link abaixo.


IMPRIMIR | E-MAIL

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11