Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Uma frase que gosta: "Não importa o que façamos, nunca passaremos de uma simples gota num oceano infinito. Mas, o que é um oceano senão um conjunto de várias gotas?" (Autor desconhecido)

 

Meu perfil...

Muito atuante em prol do protagonismo juvenil, Darlan desenvolve em sua escola e em outras unidades educacionais várias atividades como palestras, participa de debates e de simulações geopolíticas.

Como formação profissional, deseja cursar Relações Internacionais, Ciência Política e Geografia para seguir a carreira diplomática e lecionar.

O Jovem Senador de Roraima tem como projeto de futuro ser Senador representando o seu Estado. “Espero um futuro melhor e igual para todos, onde os direitos humanos sejam efetivos, onde meninas sejam empoderadas e estejam em todos os lugares que quiserem estar, onde a educação seja prioridade, onde todo o poder emane realmente do povo. Meu sonho é assumir uma cadeira no Senado Federal definitivamente, sendo eleito pelo estado”.

Darlan Paulino está sempre em busca de novos projetos de educação para cidadania e já participou do Parlamento Jovem Brasileiro, iniciativa da Câmara dos Deputados e do Parlamento Juvenil do Mercosul. Ainda arranja tempo para atuar como Presidente de Grêmio Estudantil. “Acredito que já sou um agente político, e não preciso seguir necessariamente a “política de palanque”. Mas sim, tenho desde pequeno o sonho de ser Senador da República”.

Quando o assunto é participação política, Darlan é categórico em dizer que os jovens precisam ser mais atuantes."Escutei uma vez, uma pessoa que eu admiro muito, dizer que o pensamento de que a Juventude é o futuro, é um pensamento antigo e sem efeito. A juventude não é o futuro, e sim o presente, o hoje, o agora. A juventude é a revolução”. “Com isso, acho que a participação dos jovens na política é extremamente importante nas decisões governamentais e etc. Os jovens devem cobrar, se manifestar, participar e assumir cargos eletivos e fazer valer”.

Como figura pública de destaque, o Jovem Senador de Roraima indicou Ulysses Guimarães. Darlan acredita que ele foi um grande líder político que possuiu uma coerência ética em sua jornada em defesa da liberdade, da democracia e do Poder Legislativo.

Em suas horas livres, Darlan gosta de assistir TV Senado e a TV Câmara, vídeos de debates políticos, estudar relações públicas e internacional, além de participar de simulações de plenários e debates. Seu livro favorito é “O Senhor dos Anéis - As duas torres”, de J.R.R. Tolkien. Quanto ao gênero musical, gosta de bossa nova e lírica.

 

E por falar em Jovem Senador...

A história de como Darlan resolveu participar do Jovem Senador é incrível e cheia de superação...

1ª Parte – “Lá estava eu, correndo e procurando algum lugar para me esconder. Encontrei aquele depósito e não pensei duas vezes, me escondi lá dentro tão depressa que nem reparei que a porta só abria por fora. Resultado, fiquei trancado. Procurando por algo que retirasse os pensamentos negativos, Darlan encontrou um encarte cheio de “desenhos engraçados”. Parou um pouco, tentou se acalmar e se concentrou no encarte - Você pode ser um Senador da República”.

2ª Parte – “Essa era a frase que me encantou para o resto da vida e me fez descobrir o Senado Jovem Brasileiro. Procurei mais informações, encontrei um manual e como participar (manual que até hoje tenho guardado), li e reli várias vezes e naquele momento, nasceu em mim o espírito de jovem protagonista (sensação maravilhosa). Depois de tudo isso, a primeira coisa que fiz foi gritar para me tirarem da sala (hehehe), pois eu estava trancado. Depois fui procurar saber na direção da escola o porquê de nunca terem exposto esse programa aos alunos e depois fui para casa”.

3ª Parte – “Naquela noite, com o encarte e manual do Jovem Senador em mãos, eu já não era mais a mesma pessoa, não era mais o mesmo Darlan. Filmes e séries não eram mais minha fuga da realidade, e no lugar deles começou a reinar a TV Senado e TV Câmara (kkk acho isso engraçado). No dia seguinte, a escola pregou nas paredes o pôster convite do Parlamento Jovem Brasileiro, e daí para frente eu nem preciso contar o que aconteceu (hehehe). Se você está lendo esse post, que tem por objetivo contar como vencer o jovem senador foi um sonho para mim, como esse programa e aquele seu encarte largado no depósito foi o que mudou a minha vida, saiba que todos nós temos o potencial de mudança, o potencial de fazer acontecer e dar a volta por cima. Eu digo: Não desista de seus sonhos e faça acontecer!. O Jovem Senador é um sonho se tornando realidade”.

A notícia da classificação para o Jovem Senador foi uma surpresa e pegou Darlan literalmente no meio do caminho – “Eu estava jantando, me preparando para embarcar para Montevidéu quando recebi a notícia. Fiquei surpreso, pois acreditava que o resultado seria no dia 13 de outubro. Chorei muito, o pessoal do Parlamento Jovem do Mercosul me abraçou, fizemos festa. Foi ótimo!”.

Para as atividades do Jovem Senador, Darlan é só expectativa positiva. “Quero fazer valer meu mandato como Jovem Senador. Quero mostrar ao mundo que política dá certo, e jovens na política dá mais certo ainda”.

Escola Estadual Mário David Andreazza
Diretor:
Antônio de Souza Magalhães
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11