Comissão do Extrateto tem reunião de trabalho na terça

Da Redação | 25/11/2016, 16h47 - ATUALIZADO EM 28/11/2016, 14h44

A Comissão Especial do Extrateto, que analisa os chamados supersalários do funcionalismo público, tem reunião agendada para a terça-feira (29), a partir das 14h30, para definir audiências públicas sobre o tema. Requerimento da relatora, a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO), propõe a realização de duas audiências públicas, em datas a serem definidas pelos senadores.

A relatora sugere que a primeira audiência pública tenha participação da presidente da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp), Norma Angélica Reis Cardoso Cavalcanti; do presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), João Ricardo dos Santos Costa; do representante da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip), Vilson Antonio Romero; do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claudio Pacheco Prates Lamachia; e da diretora-geral do Senado, Ilana Trombka.

Já da segunda audiência pública devem participar o presidente do Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), Rudinei Marques; do ministro do Planejamento, Dyogo Henrique de Oliveira; do diretor geral da Câmara, Lucio Henrique Xavier Lopes; do presidente da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU), Regis Soares Machado; e do presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajuf), Roberto Carvalho Veloso.

A Comissão Especial do Extrateto foi criada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, para propor medidas que assegurem o respeito aos limites salariais determinados pelo teto constitucional.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)