Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Andreza Ribeiro Nunes

Andreza Ribeiro Nunes
  • Ano de participação: 2019
  • Cidade: Pinhão - PR
  • Escola: Colégio Estadual Professor Mario Evaldo Morski
  • Formação: Professora integrante do Programa de Desenvolvimento Educacional do Paraná
  • Estudante finalista: João Joel de Oliveira Junior
  • Redes Sociais:

Entrevista

Pergunta - Qual a sua experiência na área de educação? Há quantos anos leciona?

Resposta – Atuo há 22 anos em sala de aula. Paralelo à sala de aula estive na direção de uma escola do campo durante três anos, entre 2009 e 2011.

P - Como foi a sua experiência em participar do Projeto Jovem Senador? Conte algo sobre ela.

R – Há vários anos que participo das atividades do projeto Jovem Senador sempre acreditando que um dia nosso Colégio estaria entre os finalistas. Este ano, tive a sensação que a representação do estado do Paraná em Brasília seria nossa responsabilidade e não estava errada. Em outros anos encaminhamos textos muito bons, mas não havia chegado a nossa vez. Então, foi frustrante não ser finalista anteriormente, mas não perdíamos  a esperança. Quando encaminhamos o envelope, comentei  “Este é o texto vencedor”, como de fato foi. Estamos muito felizes com o resultado.

P - Como trabalhou o tema na sala de aula?

R –  Levei o material de divulgação para sala de aula, expliquei o regulamento, observando tema, prazos, tipologia, premiação e pedi para que pesquisassem a respeito do tema. Nas aulas seguintes fizemos apontamentos com o material que eles pesquisaram e assistimos aos 17 vídeos produzidos pela organização do projeto Jovem Senador. Fomos fazendo pausas e comentando sobre a nossa participação e prática quanto ao orçamento público. Durante o desenvolvimento o governo municipal convidou a comunidade para participar de uma Audiência Pública para discutir sobre o orçamento do município, então aproveitei o ensejo para reforçar o convite e mostrar como se dá na prática as explicações do material estudado anteriormente.

P - O Projeto Jovem Senador contribuiu para a formação dos seus alunos?

R – O Projeto Jovem Senador foi importantíssimo para os alunos compreenderem a necessidade de participarem das decisões sobre o orçamento público, bem como, fiscalização. Além de despertar o gosto pela política, tendo em vista que existe uma aversão sobre o tema e sem a participação há alienação da população e tomadas de decisões, muitas vezes, adversas aos interesses da comunidade.

P - Teve alguma dificuldade para participar do Projeto?

R – Não tive dificuldade em participar do projeto, tendo em vista que o material de divulgação era objetivo, conciso e claro. Da mesma forma, que os vídeos eram bastante atraentes e motivadores. Assim, compreender e discutir sobre Plano Plurianual, Lei Orçamentária Anual e Lei de Diretrizes Orçamentárias foi fácil, principalmente com os exemplos demonstrados nos curta-metragens.

P - Como foi o trabalho na escola e a repercussão da classificação de seu aluno para o projeto?

R – O trabalho foi realizado com a 2ª série A e ofertada orientação a alunos de outras turmas e séries. Foi bastante importante desenvolver atividades sobre o tema, pois complementa um dos objetivos do nosso Colégio que é formar para a cidadania, possibilitando que os estudantes possam ser cidadãos ativos, atuantes, críticos, participativos, contribuindo para mudanças na sociedade. A repercussão no Colégio foi muito positiva, desde o Fundamental até o Médio, perpassando por toda a comunidade pinhãoense, tendo em vista os vários comentários e curtidas no face da direção e do Colégio. Mostrou à comunidade que o trabalho realizado em sala de aula é sério e com propósitos além dos muros que a cercam.

P - Participa ou já atuou em outros projetos voltados para a educação do jovem brasileiro?

R – Sim. Nossa escola participa do projeto “Vereador Mirim”, então sempre busco incentivá-los a participar, mostrando a importância de termos lideranças comprometidas e conscientes de seu papel. Além disso, sempre incentivo a participação nos grêmios estudantis.

P - Com base em sua experiência de vida, deixe um conselho/dica para os seus alunos.

R – Acreditem em seu potencial. Pensamento positivo impulsiona as ações em prol de conquistas.

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 0 61 2211