Segurança pública no Rio de Janeiro é preocupante, diz Eduardo Lopes

Da Redação | 18/10/2017, 18h56 - ATUALIZADO EM 18/10/2017, 19h38

Em pronunciamento nesta quarta-feira (18), o senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) disse que a crise na segurança pública no Rio de Janeiro é preocupante, lembrando que já passam de 108 os policiais mortos esse ano na capital fluminense, mesmo com a presença da Força Nacional no estado.

Eduardo Lopes disse que vem atuando junto a autoridades do Ministério da Justiça para a obtenção de recursos a serem usados para manutenção de equipamentos, viaturas, helicópteros, armas e munições.

- Temos que atuar contra a escalada da violência. O "quanto pior, melhor" é melhor para quem? – questionou.

Exposições

Em seu pronunciamento, Eduardo Lopes disse ainda que defende os valores da família, e criticou recentes exposições de arte que têm causado polêmica em todo o país, que,  em seu entendimento, “não passam de pornografia, pedofilia e erotização de crianças”.

O senador disse ainda que não se pode confundir crítica com censura, nem liberdade com libertinagem.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)