CE aprova obrigatoriedade de catracas com controle biométrico em estádios com mais de 10 mil lugares

10/07/2018, 14h19 - ATUALIZADO EM 10/07/2018, 16h36

Projeto aprovado pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) estabelece a obrigatoriedade da instalação de catracas para controle biométrico da entrada de torcedores em estádios com capacidade de mais de 10 mil lugares. O texto, do senador Telmário Mota (PTB-RR), determina o registro de pessoas com mais de 16 anos para ter acesso aos jogos. A proposta (PLS 272/2017)determina o cadastramento biométrico de todos os integrantes de torcidas organizadas, independentemente da idade.

O relator da matéria, senador José Medeiros (Pode-MT), disse que há experiências bem sucedidas em estádios em outros países do mundo e no Brasil, como a Arena da Baixada, em Curitiba, no Paraná. Também disse que o uso da tecnologia afastará os torcedores violentos. Proposta que altera o Estatuto de Defesa do Torcedor e deve ser analisada agora pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

A reportagem é de George Cardim, da Rádio Senado. Ouça o áudio com mais informações.



Opções: Download