CRA estuda estratégia para derrubar vetos ao Programa de Regularização Tributária Rural

07/02/2018, 21h20 - ATUALIZADO EM 08/02/2018, 10h45

O Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural foi um dos principais assuntos discutidos na primeira reunião de trabalho da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), nesta quarta-feira (7). Os senadores debateram estratégias para barrar os vetos à Lei 13.606/2018, que instituiu o Programa de Regularização Tributária Rural (PRR). O governo vetou o perdão integral das multas e encargos sobre o saldo das dívidas e a redução da contribuição previdenciária dos empregadores de 2,5 para 1,7% da receita com a comercialização das safras. O presidente da comissão, senador Ivo Cassol (PP-RO), marcou para o dia 20 de fevereiro uma audiência pública para discutir, com especialistas e representantes do setor produtivo, o pagamento das dívidas dos produtores com o Funrural. O senador Lasier Martins (PSD-RS) solicitou uma conversa com o presidente da República, Michel Temer, para discutir os vetos ao PRR que, segundo ele, prejudicam os produtores rurais. O senador Dário Berger (PMDB-SC) também criticou os vetos ao programa. A reportagem é de Marciana Alves, da Rádio Senado.



Opções: Download