Eunício defende edição de MP para mudar reforma trabalhista

14/11/2017, 19h33 - ATUALIZADO EM 14/11/2017, 21h54

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, defende a edição de uma medida provisória alterando as regras da reforma trabalhista, que acaba de entrar em vigor. Eunício sustenta que “as pessoas estão esperando por isso. Nós esperamos quase 40 dias para a lei entrar em vigor e agora a lei entra em vigor sem ninguém saber o que vai ser alterado”, disse o senador. Ele observou que, se forem feitas por meio de projeto de lei, as mudanças demandariam, pelo menos, 120 dias. Além disso, argumentou, a aprovação do projeto de lei ficaria na dependência dos presidentes da Câmara e do Senado, que têm a prerrogativa de colocar o projeto na pauta de votação. Já a medida provisória entra em vigor de imediato. Para Eunício, alterar a proposta por projeto de lei afetaria a relação de confiança entre os poderes. A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado.



Opções: Download