Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Entrevista

Pergunta - Já escolheu em que área quer estudar / trabalhar? Tem algum projeto profissional em vista?

Resposta – Sim, já escolhi. Pretendo exercer minhas funções profissionais na área da saúde.

P - Você participa de alguma ação social em sua comunidade? Conte para a gente!

R – Não, no presente momento, mas fiz parte de uma campanha de arrecadação de alimentos a fim de distribuí-los aos cidadãos da comunidade carente do município em que resido.

P - Você já participou de projetos de educação para cidadania? Quais?

R – Sim, participei de um projeto de conscientização ambiental no meu município.

P - Como você acha que deve ser a participação política dos jovens em sociedade?

R - A participação dos jovens na política deve ser a mais efetiva possível, pois os rumos políticos do país afetam sociedade e, por conseguinte, os jovens diretamente. Ademais, é dever da juventude, como de toda população, fiscalizar os recursos destinados aos estados e municípios para que sejam empregados em benefício do cidadão. Por isso, como é relatado no meu texto devemos refletir e não ser indiferentes.

P - Você conhece alguém que seja inspirador? Por quê?

R – Sim, conheço. Minha mãe, Antônia, é minha principal inspiração, pois é uma pessoa de bom caráter, age eticamente e zela pela justiça. Sempre foi batalhadora, desde a infância, vinda de família humilde nunca desistiu de lutar pelos seus sonhos, bem como pela sua família, essas virtudes me inspiram todos os dias.

P - O que você gosta de fazer no seu tempo livre?

R – No meu tempo livre gosto de ir ao cinema.

P - Qual é o seu livro favorito?

R – Não tenho nenhum livro preferido, mas leio a Bíblia desde criança.

P - Qual o papel de sua família na sua formação?

R – Minha família é a base da minha formação, pois meu caráter e conduta foram moldados por meio de suas ações. Eles me ensinaram que ser honesta, além de ter mais valia, ajuda a melhorar o mundo.

P - O que a motivou a participar do Jovem Senador 2019?

R- Uma das coisas que mais me motivou a participar foi ver o quanto o tema abordado para os Jovens Senadores deste ano faz parte do meu cotidiano. Fiquei instigada para saber mais sobre as distribuições das receitas do país nas instâncias Federal, Estadual e Municipal. Parte dessa curiosidade foi gerada por causa da minha mãe (Antônia) a qual assistia com frequência a TV Senado, por consequência, a oportunidade de ser um dos Jovem Senadores abriu os meus olhos para enxergar algo ainda não visto por mim, oportunidade essa que me foi dada pelo professor Erisvaldo.

P - A redação foi uma atividade opcional ou inclusa em alguma disciplina de sua escola?

R – A produção de texto foi desenvolvida na disciplina de Língua Portuguesa, durante oficinas de redação, direcionadas para o concurso Jovem Senador, valorizando os conhecimentos interdisciplinares os quais contribuíram para a construção dos argumentos.

P - Alguém ajudou a motivá-la para participar do Jovem Senador 2019?

R – O meu professor orientador, Erisvaldo, que leciona a disciplina de Língua Portuguesa, por meio da divulgação e o convite feitos em sala de aula.

P - Como foi a repercussão em sua escola sobre a notícia de sua classificação para o Jovem Senador?

R –Primeiramente, os meus professores e a equipe gestora ao receberem a notícia ficaram imensamente felizes e orgulhosos com a premiação a nível nacional. Meus colegas também se sentiram agraciados e postaram a notícia nas suas redes sociais, por consequência, comunidade local demonstrou votos de alegria cumprimentando-me. Após isso, a Diretoria Regional de Educação comemorou, parabenizando-me pela premiação, compartilhando nas suas redes sociais oficiais. Já a Secretaria Estadual de Educação compareceu a escola para realizar reportagens, divulgando-as nas várias mídias sociais do estado.

P - Cite uma frase que você gosta.

R –  “Uma criança, um professor, um livro e uma caneta podem mudar o mundo." (Malala Yousafzai)

Colégio Estadual Almirante Barroso
Diretor:
Iderlania Costa Souza
Professor orientador:
Erisvaldo Silva Santos
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11