Brasil plural: para falar de intolerância


Externa

Estudantes e profissionais do ensino básico podem ter atendimento psicológico nas escolas

TV Senado

É o que determina o projeto aprovado pela Comissão de Educação (CE) e que vai agora ao Plenário. O PLC 76/2011, acrescido de sugestões de estudantes que participaram do programa Jovem Senador, pode ajudar a identificar dificuldades emocionais e tratar alunos e professores. O Projeto de Lei da Câmara (PLC) 76/2011, aprovado nesta terça-feira (27), na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), segue agora para análise do Plenário do Senado.

 

Nota da equipe do Jovem Senador: o PLS 557/2013, proposto por jovens senadores da edição 2012, também dispõe sobre o atendimento psicológico ou psicopedagógico para estudantes e profissionais da educação, e está tramitando apensado ao PLC 76/2011. Durante sua relatoria, a senadora Marta Suplicy destaca "eu chamo a atenção para a sensibilidade dos jovens senadores. Eles fizeram um projeto querendo uma assistência psicológica".

 

Veja a matéria completa da TV Senado no link abaixo.


IMPRIMIR | E-MAIL

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11