CAS debaterá dificuldades de tratamento do câncer colorretal

Da Redação | 29/09/2017, 16h09 - ATUALIZADO EM 29/09/2017, 16h10

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) debaterá em audiência pública nesta terça-feira (3) os desafios de tratamento e diagnóstico do câncer colorretal. Esse tipo de câncer atinge o intestino grosso, que é subdividido em cólon e reto. O pedido de realização da audiência é da senadora Ana Amélia (PP-RS).

O tratamento do câncer colerretal é feito por cirurgia para remoção do tumor. A quimioterapia e radioterapia são indicadas, tanto para reduzir o tamanho dos tumores e torná-los operáveis, quanto para eliminar células cancerosas remanescentes.

A detecção precoce do câncer é fundamental, quanto mais cedo se descobre o câncer, maiores são as chances de cura da doença. Identificados previamente, pólipos ou tumores podem ser removidos antes de se transformarem em câncer. A realização da colonoscopia, exame que identifica a presença de tumores no intestino grosso, é recomendada principalmente par pessoas com mais de 50 anos. Os sintomas do câncer colorretal incluem dor abdominal, alterações no hábito intestinal, sangramento, fraqueza e entre outros.

No Brasil, o Instituto Nacional de Câncer (Inca) registrou 16,6 mil casos novos de câncer de cólon e reto em homens e 17,6 mil em mulheres no ano de 2016.

Convidados

Foram convidados para participar da audiência Sandro Martins, chefe da Coordenação-Geral de Média e Alta Complexidade do Ministério da Saúde; Angelita Gama, presidente da Associação Brasileira de Prevenção do Câncer de Intestino; André Sasse, Médico Oncologista do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); e Marlise Mello Cerato Michaelsen, representante da Associação Gaúcha de Coloproctologia.

A reunião da CAS está marcada para às 14h, na sala 13 da Ala Alexandre Costa, no Anexo 2 do Senado. A audiência tem possibilidade de interatividade e os interessados podem participar por meio do portal e-Cidadania ou da central de teleatendimento Alô Senado.

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)