Marta Suplicy pede urgência na votação do Simples Nacional

Da Redação e Da Rádio Senado | 09/12/2015, 19h56 - ATUALIZADO EM 09/12/2015, 20h19

A senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) pediu, nesta quarta-feira (9), urgência na votação do Projeto de Lei da Câmara 125/2015, que aumenta os limites de enquadramento no Simples Nacional. A proposta foi aprovada na CAE, nesta terça-feira, e aguarda aprovação do Plenário do Senado.

Marta explicou que a aprovação da proposta ajudará mais de 10 milhões de pequenos empresários. Segundo ela, umas das vantagens do projeto é que as pequenas e micro empresas não estão conseguindo pagar o chamado “Refis do Simples” e a proposta, da forma como foi aprovada na CAE, permite parcelar esses débitos tributários em até 120 meses.

— A importância desse projeto é que hoje quem é pequeno não quer crescer porque quando ele sai do SuperSimples e entra no lucro presumido ele leva um tranco da tributação. Para o comércio, o tributo é de 54% a mais. Então ele não sai, abre outra pequena empresa em então perdemos a oportunidade de regular esses pequenos que tem que crescer.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)