Presidente do Banco Central defende independência da instituição

07/12/2018, 13h37

Diversos senadores defendem a discussão e votação da autonomia do Banco Central. Em audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), o presidente da instituição, Ilan Goldfjan, ponderou que o Brasil é um dos poucos países onde a autoridade monetária não tem independência. O presidente da CAE, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), defende a autonomia do BC. Já o senador Romero Jucá (MDB-RR) apresentou uma proposta que prevê um mandato de quatro anos da diretoria do BC não coincidente com o do presidente da República.

Ouça mais detalhes no áudio da repórter da Rádio Senado, Hérica Christian.



Opções: Download