CDH aprova redução de impostos sobre jogos eletrônicos

18/12/2017, 18h54 - ATUALIZADO EM 18/12/2017, 18h57

A Sugestão Legislativa (SUG) 15/2017 que pede a redução do imposto sobre jogos eletrônicos foi aprovada pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado (CDH). A sugestão pode ser transformada em uma proposta de emenda à Constituição. Para isso, precisará ter o apoio de 27 senadores para começar a ser analisada. O autor do projeto, Kenji Amaral, do Rio de Janeiro, justificou que atualmente o tributo cobrado sobre jogos eletrônicos no Brasil é de 72%, um dos maiores do mundo, enquanto os Estados Unidos, maior mercado global de jogos, cobram 9% de impostos. O relator, senador Telmário Mota (PTB-RR), propôs a imunidade tributária total sobre os consoles e jogos para videogames produzidos no Brasil. A reportagem é de Gustavo Azevedo, da Rádio Senado.



Opções: Download


Senado Agora
10h38 Georreferenciamento rural: A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou projeto (PLC 120/2017) que simplifica o georreferenciamento de imóveis rurais. Matéria vai ao plenário.
10h08 Cooperação com a Jamaica: A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) aprovou acordo entre Brasil e Jamaica para o intercâmbio de informações sobre impostos. O projeto de resolução que aprova o acordo segue para análise do Plenário.
10h02 Frente Norte : A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) aprovou o projeto que cria a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Consumidor de Energia Elétrica da Região Norte. O PRS 24/2019 segue para a Comissão Diretora.
Ver todas ›