Trabalhador poderá ter direito de acompanhar filho em consultas médicas

31/08/2017, 14h50 - ATUALIZADO EM 25/09/2017, 12h57

Os trabalhadores poderão se ausentar do serviço para acompanhar o filho menor de 18 anos em consultas médicas sem ter descontos no salário. Projeto (PLS 92/2017) com este objetivo, da senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), está em análise na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

Favorável ao projeto, o relator, senador Paulo Paim (PT-RS), argumenta que a Constituição estabelece que o Estado e a sociedade devem garantir à criança e ao adolescente o direito à saúde. Paim também argumentou que o benefício já existe no serviço público.

Ouça os detalhes no áudio do repórter da Rádio Senado, George Cardim.



Opções: Download