Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Ana Beatriz Johnson Barros

Ana Beatriz Johnson Barros
  • Colocação no estado: 1ª colocada estadual
  • Ano de participação: 2018
  • Escola: Escola Estadual Brigadeiro João Camarão Telles Ribeiro
  • Cidade: Manaus - AM
  • Professor(a): Onison Carlos Lopes de Sousa

Gosto muito de ir ao cinema, assistir séries, ler um bom livro e passar tempo com os amigos. Meu livro preferido é “O Pequeno Príncipe”, de Antoine de Saint-Exupéry.

Pretendo fazer Medicina ou Psicologia, quando acabar o Ensino Médio. Quero trabalhar em uma clínica de oncologia pediátrica. Como diz Mahatma Gandhi, “Seja a mudança que você quer ver no mundo.”

Participo de um grupo de solidariedade da minha igreja ajudando os moradores de rua e jovens que estão sem abrigo. Sempre que possível, saímos pelas ruas distribuindo alimentos e também ajudamos com doações de roupas e brinquedos. Além disso, levamos conosco algo muito mais importante que são palavras de carinho e amor.

A minha mãe desde sempre foi uma grande inspiração para mim em todos os aspectos. Principalmente, quando o assunto é coragem e força. Ela me ensinou a buscar com determinação todas as coisas que almejo, seja fácil ou difícil de ser alcançado. Algo muito importante que minha “heroína da vida real” me ensinou foi que devemos acreditar em nós mesmos, que todos somos capazes.

Além de minha mãe, também a minha família exerce um papel muito importante que é o apoio, principalmente para quem está cursando o último ano do Ensino Médio. Essa é uma fase de muita cobrança e responsabilidade, mas o fato de ter a família por perto ajudando e aconselhando é algo que me conforta bastante. Isso é insubstituível.

Pra mim, a juventude é uma etapa da vida na qual o jovem possui muita força e uma diversidade de ideias. E a melhor forma de inseri-los no meio político é através da busca por uma sociedade mais justa. É procurar formas de influenciar e lutar por melhorias nas áreas da educação, da saúde e do trabalho. O jovem deve fazer valer a cidadania proposta pela constituição de 1988. E isso vai muito além do voto. É tomar sobre si a responsabilidade de lutar por boas condições de vida e do meio em que vive. E ser a mudança para um futuro melhor!

Pensando assim, resolvi participar do Projeto Jovem Senador. Também me senti motivada a treinar a minha escrita dissertativa e vi uma ótima oportunidade de aperfeiçoar isso ao saber que meu professor orientador iria avaliar minha redação de uma forma mais técnica.

A participação no concurso foi opcional, mas as técnicas dissertativas foram ensinadas a todos pelo professor e os que se destacaram com as melhores redações foram escolhidos para participar do projeto Jovem Senador na escola.

O meu professor que ministra a matéria de Língua Portuguesa foi o maior incentivador. Inclusive, no ano de 2017, um aluno da minha sala participou do Jovem Senador com a orientação desse mesmo professor e conseguiu a 2ª colocação no estado e isso me serviu de inspiração. Além disso, competindo com os meus outros colegas que são muito bons na redação, vi a chance de amadurecer na escrita. Ademais, todas as ajudas técnicas tanto do professor, quanto de estudos fora da escola, contribuíram para a minha colocação no 1° lugar em meu estado.

Para isso, o professor, que atua na área de redação, trabalhou as técnicas de produção textual em sala de aula. Ao analisar os textos, escolheu alguns alunos do Ensino Médio que se destacaram na escrita dissertativa-argumentativa. Depois disso, houve aula especial com o nosso professor de História para nos explicar de forma detalhada um pouco do desenvolvimento histórico da Constituição Cidadã. Após seleção de novos textos, ficaram dez alunos e ao longo das entregas de novas produções e depois de várias análises, chegou-se na redação escolhida que foi enviada para representar a escola na etapa estadual.

Ser classificada me proporcionou muitas homenagens, fotos e entrevistas.

Escola Estadual Brigadeiro João Camarão Telles Ribeiro
Diretor:
Marcos Antonio Alvim de Assis
Professor orientador:
Onison Carlos Lopes de Sousa
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11