Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil


Externa

Alunos classificados no Jovem Senador 2019 apresentam suas redações na Câmara Municipal de Aracaju

Câmara Municipal de Aracaju

 

Durante a Sessão desta quarta-feira, 23, os três alunos sergipanos classificados no Programa Jovem Senador 2019 utilizaram a Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para explanarem o tema de suas redações que foram aprovadas pelo programa. O Jovem Senador é um projeto anual que seleciona, por meio de um concurso de redação, 27 estudantes do ensino médio de escolas públicas estaduais, com idade até 19 anos, para vivenciarem o trabalho dos senadores em Brasília.


Na oportunidade, os alunos também participaram da Vigência Legislativa na Câmara Municipal de Aracaju, projeto realizado pela Escola do Legislativo Profa. Neuzice Barreto de Lima da CMA, que proporciona aos alunos conhecerem as instalações da Câmara e entenderem como funcionam as atividades do Parlamento. Segundo a coordenadora estadual do Programa Jovem Senador, Nádia Cardoso, o tema da redação deste ano foi: “Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil”. “De 589 redações de Sergipe, as três finalistas são desses alunos que estão aqui hoje. Eles ocuparam a tribuna para ler suas redações e explanar suas considerações sobre o tema e ouvir as considerações dos vereadores presentes. Acho importante essa parceria com a Escola do Legislativo por promover essa vivência para esses alunos”, enfatizou.


A primeira colocada, Vivian Gabrieli Silva dos Santos, aluna do Colégio Estadual Almirante Barroso, em Muribeca, vai para a etapa nacional, em Brasília, da 12ª Edição do Concurso de Redação do Programa Jovem Senador. Em sua apresentação na Câmara, ela destacou o foco da sua redação acerca do tema. “O título da minha redação foi ‘As faces da população: da indiferença à reflexão’. Eu tive muito incentivo da minha família e da escola para participar desse concurso e eu mesma não tinha muito conhecimento do orçamento público. Eu escolhi esse tema porque somos negligentes com o que temos de mais precioso, que nesse caso é o direito de fiscalizar o orçamento público. É preciso ações públicas nas escolas para incentivar a população e os estudantes sobre o tema. Devemos valorizar a fiscalização do orçamento para que o nosso tributo seja utilizado em benefício da nossa comunidade”, explicou a aluna.


O segundo colocado, Marcos Vinícius Menezes Santos, é aluno do Colégio Estadual Prof. Abelardo Romero Dantas, do município de Lagarto.  “Quando eu vi o tema da redação, a primeira coisa que percebi foi a falta da participação política da população. O povo coloca os políticos no poder e depois não faz a sua parte de cobrar e fiscalizar, principalmente, fiscalizar o dinheiro que é arrecadado com os impostos. Por isso que meu título foi ‘Orçamento Público: Valorizá-lo hoje para assegurar o amanhã’, para fazer uma reflexão sobre a participação da população e as dificuldades de acesso nos Portais das Transparências”, disse o estudante.


“Compromisso e responsabilidade: orçamento público averiguado é sinônimo de progresso”, esse foi o título da redação do terceiro colocado, Armando Max Rocha Santos, aluno do Colégio Estadual Roque José de Souza, de Campo do Brito. “Com esse tema, enfatizo que todos os governantes devem incentivar a renovação política e a participação popular na fiscalização das contas públicas, por meio de propagandas na internet, almejando inserção de novas lideranças políticas que tenham como prioridade a transparência”.


Encerrando os pronunciamentos, o diretor da Escola do Legislativo, Vander Costa, destacou as ações da Escola para integrar o Legislativo com a sociedade.  “O projeto Conhecendo o Parlamento e o projeto Conhecendo o Parlamento Kids, vem incentivando os jovens estudantes e as crianças à vivência legislativa. Realizamos palestras e trazemos alunos para conhecer o processo legislativo e saber a importância do legislativo municipal. Com essa iniciativa, inspiramos esses alunos a serem futuros parlamentares”, afirmou.


Vereadores


Após as explanações dos alunos, os vereadores parabenizaram os temas e apresentações e também parabenizaram a iniciativa da escola do Legislativo da CMA, por meio do diretor Vander Costa.


A vereadora Emília Correa (Patriota) parabenizou a fala da Jovem Senadora Vivian Gabrieli que representará Sergipe. “Essa relação que você fez do dinheiro público com a água foi muito importante. Essa é a temática mais problemática que enfrentamos, que é a transparência, o acesso, a fiscalização”.


“O PPA, a LDO e a LOA são instrumentos que compõem o orçamento e que vão direcionar os recursos prioritários à população. O temas são essenciais para destacar a participação do povo nesse processo de fiscalização dos recursos públicos. Esse é um erro de todos, não fiscalizar”, disse Américo de Deus (Rede).


Lucas Aribé (PSB), Zezinho do Bugio (PTB) e Jason Neto (PDT) também destacaram a importância dos temas e destacaram que as pessoas precisam participar mais e dar maior importância à fiscalização do orçamento público.


IMPRIMIR | E-MAIL

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11