Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Externa

Estudante de BD representará Minas Gerais no Senado

iBom - Informativo Web - Bom Despacho/MG

Publicado em 04/11/2018 13:50:49

(IBOM) Quando atendeu ao telefone, no dia 4 de outubro, o estudante Thales Afonso dos Santos Corsino, de 16 anos, teve uma grata surpresa. Na ligação, feita do Senado Federal, em Brasília, a atendente Rosemary informou a Thales que ele era o ganhador, em Minas Gerais, do concurso Jovem Senador, promovido por aquela casa legislativa.

Estudante do 2° ano do Colégio Tiradentes, Thales mora no Esplanada e é filho de Wilson Corsino e Alcina Afonso dos Santos Corsino. Pretende se formar em Medicina e atuar na área de psiquiatria.

Concurso

O Jovem Senador é um projeto anual do Senado Brasileiro que seleciona, através de um concurso de redação, 27 estudantes do ensino médio de escolas públicas estaduais, com idade máxima de 19 anos, para vivenciarem o trabalho dos senadores em Brasília. Este ano, 19.779 escolas públicas de todo o país receberam o material para participação dos seus alunos. O tema da redação foi “A Constituição Cidadã 30 anos depois”.

No concurso, cada escola participante seleciona a melhor redação feita por seus alunos e a envia para a Secretaria de Educação do seu Estado. A Secretaria elege as três melhores redações recebidas por ela e as encaminha para o Senado Federal, que escolhe o melhor trabalho de cada Estado. A redação de Thales, com o título “Constituição cidadão: utopia ou realidade”, foi escolhida para representar Minas Gerais.

Brasília

De 19 a 24 de novembro, Thales Corsino e outro 26 estudantes brasileiros tomarão posse simbólica em Brasília como jovens senadores para conhecer e vivenciar o processo de discussão e elaboração das leis do país. Nesse período os estudantes participarão de comissões do Senado, discutirão e votarão propostas que poderão ser transformados em projetos de lei.

Thales, que já fez parte da Câmara Jovem de Bom Despacho em 2017, está entusiasmado com a experiência. Para ele, os jovens devem participar da política “por direito e dever” pois “a atuação do jovem [...] garantirá a renovação do sistema”. Essa participação “é uma esperança”, diz Thales,”de que a população será representada por novos rostos e ideias, efetivando os preceitos da democracia”.


IMPRIMIR | E-MAIL

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11