Ir para conteúdo principal

Senado Notícias

Janela partidária reequilibra forças no Congresso, diz Agripino

11/04/2018, 12h19 - ATUALIZADO EM 12/04/2018, 17h04

Acabou na última sexta-feira (6) a 'janela partidária": prazo para deputados federais - e outros detentores de mandativos eletivos proporcionais -  mudarem de legenda sem risco de perda de mandato. O Democratas (DEM) é o partido que recebeu maior número de parlamentares: 8 entre os 66 deputados federais que registraram desligamento de seus partidos aderiram à legenda. Na avaliação do senador José Agripino (DEM-RN), a composição do Congresso passou por um reequilíbrio de forças.

Outro motivo de trocas de partido no Congresso em março e abril é que, para concorrer às eleições, em qualquer cargo, o candidato deve ter a filiação deferida pelo partido no mínimo seis meses antes da data da eleição, de acordo com a Lei 13.165/2015. É o caso da senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), que anunciou no último sábado (7) a mudança para o Podemos, partido pelo qual concorrerá. Veja os detalhes da reportagem da TV Senado.






Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11