Proposta prevê audiências virtuais para licenciamento ambiental

Carlos Penna Brescianini | 07/04/2020, 20h18

A possibilidade de realizar as audiências de licenciamento ambiental por vídeoconferência, por meio da internet foi proposta pelo senador Marcos Rogério (DEM-RO). O senador sugere que durante o período da pandemia de Covid-19, as audiências públicas para debater projetos que necessitam de licenciamento ambiental, como de transportes e de saneamento, não precisem ser presenciais.

"No cenário atual da pandemia do coronavírus, é necessário evitar qualquer tipo de aglomeração. Esperamos alcançar um equilíbrio entre a proteção da saúde pública e o prosseguimento de licenciamentos ambientais. Essa participação deve ocorrer idealmente de forma presencial. Contudo, na situação extraordinária que enfrentamos, propomos sua realização de forma remota", justificou o senador.

O projeto (PL 1.602/2020) estabelece que unicamente durante o período da pandemia da Covid-19 seja possível realizar essas audiências públicas virtuais. Marcos Rogerio afirma que a audiência pública remota também pode ensejar maior participação, "pois em determinadas situações os meios virtuais permitem a reunião de um número significativo de pessoas".

O PL foi lido nesta terça-feira (7) e encaminhado à publicação no Diário do Senado Federal desta quinta-feira (9). A partir daí, começará a tramitar na Casa, sendo nomeado relator e aberto para o recebimento de emendas.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)