Comissão sabatina indicados a embaixadores na Bulgária e na Hungria

Da Redação | 13/08/2019, 09h26

A Comissão de Relações Exteriores (CRE) sabatina nesta quarta-feira (14) os diplomatas Maria Edileuza Fontenele Reis, indicada para assumir a embaixada do Brasil na Bulgária e Macedônia do Norte, e José Luiz Machado e Costa, indicado para representar o Brasil na Hungria. A reunião tem início às 9h na sala 7 da ala Alexandre Costa.

O senador Mecias de Jesus (PRB-RR) é o relator da indicação de Maria Edileuza Fontenele Reis. Entre as funções desempenhadas pela diplomata destacam-se as de primeira-secretária em missão transitória na embaixada em São Domingos (1993-1994); cônsul-geral adjunta nos consulados-gerais em Tóquio (1996-2001) e Roma (2001-2004); diretora do Departamento da Europa (2006-2010); cônsul-geral e embaixadora em Paris (2014-2017); delegada permanente junto à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), em 2017. Foi também agraciada com diversas condecorações nacionais e estrangeiras e é autora de diversos artigos.

Entre as funções exercidas no exterior pelo diplomata José Luiz Machado e Costa destacam-se a missão junto à Organização dos Estados Americanos (OEA) (1987-1990, 2002-2006 e 2015-2018); a embaixada em Bogotá (1990- 1993); a embaixada em Assunção (2006-2008); a embaixada em Paramaribo (2008-2012); e a Embaixada em Porto Príncipe (2012-2015). Entre os cargos ocupados junto à burocracia no Itamaraty e na Esplanada, estão os de assistente da Divisão de Cooperação Científica e Tecnológica (1983-1984); assessor do Departamento de Promoção Comercial (1984-1985); e Subsecretário-Geral da África e do Oriente Médio, desde 2018. A indicação é relatada pelo senador Márcio Bittar (MDB-AC).

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
senado.leg.br/ecidadania
Alô Senado (0800 612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
19h11 Violência doméstica: Senado aprova o PL 2.510/2020, que obriga moradores e síndicos de condomínios a informarem casos de violência doméstica às autoridades competentes. Texto vai à análise da Câmara dos Deputados.
18h38 Prioridade à mulher: Vai à sanção o PL 2.508/2020, que prioriza a mulher como provedora para receber o auxílio emergencial destinado a família monoparental. Pelo texto, o recurso só vai para o pai quando comprovada a guarda unilateral do dependente.
17h30 Proteção aos bancos: Senado aprova PLV 21/2020, decorrente da MP 930/2020, que protege os bancos com investimento no exterior da perdas por variação cambial. O texto segue para sanção presidencial.
Ver todas ›