Vanessa Grazziotin aponta escalada de violência e intolerância dos partidários de Bolsonaro

Da Redação e Da Rádio Senado | 31/10/2018, 17h49

Em pronunciamento no Plenário do Senado nesta quarta-feira (31), a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) apontou violência e intolerância por parte de apoiadores do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Ela citou, entre outros fatos, as ações policiais contra universidades, os ataques contra mais de cem pessoas em todo o país e a fala de Bolsonaro contra o jornal Folha de S. Paulo, além do vídeo em que um dos seus filhos ameaça fechar o Supremo Tribunal Federal.

Vanessa Grazziotin também considerou um perigo para a democracia o projeto (PLS 272/2016), que inclui na Lei Antiterrorismo, (Lei 13.260), de 2016, a destruição de patrimônio público ou privado. Ela disse que as modificações propostas vão bem além disso, e na prática criminalizam os protestos dos movimentos sociais.

— É hora da defesa da democracia, é hora da defesa do Brasil, e todos estão chamados a isso — declarou a senadora.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
12h16 Empresas Inativas : Os senadores da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovaram parecer favorável ao projeto que torna gratuita a baixa de empresa inativa há pelo menos a três anos. O PLC 198/15 segue para votação em Plenário.
11h37 Marcelino Chiarello: A Comissão de Educação (CE) aprovou o Projeto de Lei da Câmara 59/2018 que dá o nome do vereador de Chapecó (SC) Marcelino Chiarello, do PT, a trecho de rodovia em Santa Catarina. A matéria vai ao Plenário.
11h33 Educação especial: A Comissão de Educação (CE) aprovou parecer favorável ao Projeto de Lei da Câmara 18/2018 que amplia os recursos destinados à educação especial. A matéria segue para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).
Ver todas ›