Paim apoia MP dos agentes de saúde

Da Redação | 25/06/2018, 17h45 - ATUALIZADO EM 25/06/2018, 20h48

O senador Paulo Paim (PT-RS) registrou nesta segunda-feira (25) seu apoio à medida provisória que trata da jornada de trabalho dos agentes comunitários de saúde e de combate a endemias. Entre outras providências, a MP 827/2018 estabelece  jornada de trabalho de 40 horas e piso salarial e determina que os agentes devem frequentar cursos de aperfeiçoamento. Paim destacou a importância da norma e saudou o papel fundamental dos agentes de saúde na medicina preventiva.

— Quero destacar que existem no Brasil quase 350 mil agentes comunitários de saúde e de combate a endemias. É fundamental e obrigatória a presença desses profissionais nas estratégias de saúde da família e nas estruturas de vigilância epidemiológica e ambiental.

Paulo Paim ainda alertou para a situação dos funcionários de uma empresa de segurança do Congresso que, segundo denúncia, não terão mais direito ao vale-alimentação a partir de primeiro de julho. O senador acrescentou que os vigilantes também não têm mais direito ao plano de saúde e avaliou que, se existe esse “absurdo do absurdo” dentro do Congresso, a perda de direitos em decorrência da reforma trabalhista está se espalhando.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
12h33 Lei do terrorismo: Kim Kataguiri, líder do Movimento Brasil Livre, em debate da CCJ sobre terrorismo, esclarece que as manifestações populares não podem aterrorizar ou intimidar determinado governo por vias não democráticas.
12h30 Lei do terrorismo: Kim Kataguiri, do Movimento Brasil Livre, em debate da CCJ sobre terrorismo, afirma que a lei não criminaliza os movimentos sociais, desde que as manifestações sejam feitas de forma pacífica, sem depredação de bens públicos.
12h25 Postalis: O interventor do Instituto de Previdência Complementar no Postalis, Walter Parente, garante, em audiência na CDH, a resolução do problema do fundo. Há um rombo de R$7 bilhões na previdência dos funcionários dos Correios.
Ver todas ›