Humberto Costa diz que oposição recorre ao MP contra atos do governo para o pré-sal

Da Redação | 23/11/2017, 14h06 - ATUALIZADO EM 23/11/2017, 14h10

O senador Humberto Costa (PT-PE) informou que integrantes da oposição foram ao Ministério Publico Federal para pedir uma investigação sobre o que classifica de "entrega do pré-sal aos estrangeiros". No Plenário, nesta quinta-feira (23), o parlamentar afirmou que o governo de Michel Temer adotou uma renúncia fiscal superior a R$1 trilhão, eliminou a política de conteúdo nacional na exploração do petróleo e afrouxou as regras para o controle da prática de crimes ambientais.

Na opinião do parlamentar, houve crime de lesa-pátria de alta gravidade, que precisa ser apurado, para que os envolvidos na dilapidação do patrimônio nacional sejam  punidos.

- Entregaram o nosso petróleo aos estrangeiros, enquanto o preço da gasolina, aqui no Brasil, dispara. Hoje, por exemplo, 7% de alta acumulada em apenas dois dias. A nossa expectativa é de que a Procuradoria-Geral da República possa tocar essa investigação à frente e que dentro do Ministério de Minas e Energia haja uma investigação também sobre esse lobby praticado às claras -  afirmou.

Krav Magá

O senador também defendeu a aprovação do PLC 127/2014, que institui o Dia Nacional do Krav Maga, a ser celebrado em 18 de janeiro. A data escolhida marca a chegada dessa modalidade ao Brasil por meio do Mestre Kobi Lichtenstein.

o senador elogiou a modalidade, que segundo ele, já faz parte da vida de milhares de brasileiros, seja civis ou dos profissionais de segurança.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)