Violência no campo será tema de debate na Comissão de Direitos Humanos

Da Redação | 29/07/2016, 11h26 - ATUALIZADO EM 01/08/2016, 11h45

A violência no campo será o foco da discussão no Ciclo de Debates “A crise política, econômica, social e ética no Brasil à luz dos Direitos Humanos”, promovido pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH). A reunião, marcada para terça-feira (2), a partir das 14h, será na sala 9 da Ala Alexandre Costa.

Para o debate, foram convidados Alexandre Conceição, integrante da direção nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST); Bernardino Camilo da Silva, advogado do MST-PR; Leure Simone Ritta, integrante da coordenação regional do MST-PR; e Rudmar Moeses, membro da direção do acampamento Dom Tomás Balduíno.

O acampamento está em uma região conflituosa do município de Quedas do Iguaçu (PR), próxima à madeireira Araupel, um dos focos de luta do MST, que reivindica a realização da reforma agrária na região, na área ocupada pela madeireira. O grupo responsabiliza policiais militares do Paraná e seguranças privados da Araupel por crimes cometidos contra os acampados.

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)