Preservação às margens do São Francisco pode dar isenção do ITR

Da Redação | 24/11/2015, 14h17 - ATUALIZADO EM 25/11/2015, 08h53

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou nesta terça-feira (24) o Projeto de Lei do Senado (PLS) 202/2015, que prevê a isenção do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR) de imóveis rurais localizados à margem do rio São Francisco, de seus afluentes e de suas nascentes, em que esteja preservada ou em processo de recomposição a vegetação das áreas de preservação permanente.

Como foi aprovado em decisão terminativa um substitutivo do relator, senador Walter Pinheiro (PT-BA), o projeto ainda será submetido a turno suplementar na comissão. De autoria do senador Otto Alencar (PSD-BA), o projeto já recebeu favorável da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
18h57 Proibição de corte de luz às sextas-feiras: O Plenário aprovou o substitutivo da Câmara dos Deputados ao Projeto de Lei 669/2019, que proíbe o corte do fornecimento de água ou de energia elétrica às sextas-feiras e vésperas de feriado. A matéria vai a sanção.
17h09 Cargos na Polícia Federal: O Plenário aprovou a Medida Provisória 918/2020, que cria funções comissionadas na Polícia Federal e transforma cargos em comissão. A matéria vai a promulgação.
Ver todas ›