Senadores defendem aprovação na Câmara da PEC que torna estupro crime imprescritível

18/12/2018, 18h30 - ATUALIZADO EM 18/12/2018, 18h35

Os casos de mulheres que relataram casos de abuso sexual supostamente praticados pelo médium João de Deus reacenderam no Senado a defesa pela aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC 64/2016) que torna imprescritível o crime de estupro. A proposta do senador Jorge Viana (PT-AC) já foi aprovada pelo Senado e está pronta para ser votada na Câmara dos Deputados. Ouça mais detalhes na reportagem de Paula Groba, da Rádio Senado.



Opções: Download