CAE analisa projeto que zera taxas de importação sobre instrumentos musicais

03/01/2017, 18h12 - ATUALIZADO EM 03/01/2017, 18h29

Projeto de lei do senador Antônio Carlos Valadares (PSB-SE) permite que músicos profissionais, orquestras e entidades musicais fiquem livres do pagamento de taxas de importação sobre os instrumentos, equipamentos e acessórios vindos de outros países (PLS 329/2015). O texto já foi aprovado pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) e aguarda votação na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), antes de seguir para análise da Câmara dos Deputados. Para ter acesso à isenção, os músicos poderão utilizar o benefício uma vez a cada três anos para a importação e uma vez a cada dois anos para compras dentro do Brasil, com exceção dos acessórios para proteção dos instrumentos. Confira os detalhes da proposta na reportagem de Ana Beatriz Santos, da Rádio Senado.



Opções: Download