Políticas públicas sobre autismo ainda não chegam às pessoas com transtornos severos

31/03/2016, 16h03 - ATUALIZADO EM 14/09/2016, 11h16

Apesar dos avanços dos últimos anos, há falhas graves nas políticas públicas de proteção às pessoas com autismo, ressaltaram os participantes da audiência pública realizada sobre o assunto nesta quinta-feira (31), na Comissão de Direitos Humanos do Senado (CDH). Entre os problemas, eles mencionaram as deficiências no tratamento aos pacientes com transtornos severos ou a falta de amparo às famílias dos autistas. Mais informações na reportagem de Marcela Diniz, da Rádio Senado.



Opções: Download