Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Sou Leonardo da Silva Coelho, um jovem de 18 anos, aluno do CIEP 297 – Padre Salésio Schimid, de Vassouras, no estado do Rio de Janeiro. Faço o 3º ano do Ensino Médio e pretendo cursar Direito na universidade e, posteriormente, me especializar nas áreas de Gestão Pública e Economia. Profissionalmente, pretendo atuar em cargos eletivos em uma carreira política.

Eu amo ler. Os livros são meus companheiros diários. Tenho como favorito o livro “Petrus Logus, o Guardião do Tempo”, de Augusto Cury. Um livro que fala da transformação do mundo, das pessoas. Acredito que só podemos transformar o mundo quando saímos da nossa zona de conforto. Isso me motivou a participar do Programa Jovem Senador 2018.

Estou completamente disposto a trabalhar em grupo para pensarmos possíveis soluções para os problemas da nossa sociedade. Para participar, fui incentivado pelo diretor de minha escola e pelos professores, em especial o professor Gustavo do Vale Gomes, meu orientador. Ao ser selecionado pela Secretaria Estadual de Educação, a repercussão na escola foi maravilhosa! Fiquei extremamente feliz ao saber que a minha alegria também era a de muitos amigos e colegas.

Pretendo num futuro próximo atuar politicamente com mandato eletivo. Já participo de trabalhos voluntários. Juntamente com um grupo de amigos, faço visitas a um asilo local para conversarmos com os idosos. Além disso, atuo como coordenador adjunto de um grupo de acompanhamento do Poder Legislativo municipal e como líder de um projeto chamado “Que tal uma Conversa? ”.

Por dois anos, atuei como estudante gremista na minha escola. Durante um ano, atuei como vereador jovem na Câmara Jovem de Vassouras na função de presidente da mesa diretora. Atualmente, atuo como deputado estadual juvenil pelo meu município no Programa Parlamento Juvenil. Os jovens precisam conhecer seus direitos e deveres para serem capazes de transformar a sociedade. A partir de então, é preciso que os mesmos busquem soluções para os problemas que puderem enxergar, contribuindo para a construção de um mundo melhor e mais justo.

Tenho os meus pais como exemplo. É extremamente inspirador vê-los batalhando diariamente por aquilo que acreditam, mesmo com todas as dificuldades que enfrentam. A minha família é o alicerce mais importante na construção dos meus sonhos. Sou grato a Deus pela vida de cada um dos meus familiares e por serem eles tão motivadores ao acreditarem que somos capazes de fazer o extraordinário tornar-se realidade.

Na minha redação, intitulada “Justiça e liberdade”, procurei mostrar que através de lutas conquistamos os nossos direitos, os quais farão sempre parte de nossas vidas. Por esse motivo, mais do que simbólica, a elaboração da Constituição apelidada de “Cidadã” representou a conquista do poder pelo povo, que por longos anos esteve submetido às duras imposições de governos militares. Trinta anos depois, os desafios continuam existindo, mas temos a certeza de que o melhor caminho que nos aproxime de um Brasil cada vez mais democrático é participando das decisões e não permitindo que nossas esperanças desapareçam. Portanto, faz-se imprescindível que novas práticas pedagógicas sejam estabelecidas pelo Ministério da Educação e pelas secretarias estaduais e municipais competentes, a fim de que a escola se consolide como ambiente de discussão e conscientização dos direitos e deveres do cidadão na construção de uma sociedade justa e solidária.

CIEP 297 Padre Salésio Schimid
Diretor:
Gregson Barros da Silva
Professor orientador:
Gustavo do Vale Gomes
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11