Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Release

Senado Federal decide adiar o Jovem Senador 2020

A diretora da Secretaria de Comunicação Social do Senado Federal, Érica Ceolin, comunicou hoje ao Ministério da Educação, aos secretários de Educação dos estados e do Distrito Federal e ao Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) a decisão de adiar o concurso de redação e a semana presencial do Jovem Senador 2020, assim como as comemorações pela 10ª edição do programa, para 2021.

Veja a íntegra do comunicado:

Tendo em vista a pandemia da covid-19 e as medidas adotadas para evitar o contágio e para combater a doença em todo o país e após diversas consultas com os parceiros do Programa Jovem Senador, o Senado Federal decide adiar o concurso de redação e a semana presencial do Jovem Senador 2020, com manutenção do tema e adiamento das comemorações pela 10ª edição do programa, para 2021.

Mesmo com a continuidade dos preparativos relativos ao Jovem Senador em contato com as secretarias estaduais de Educação, o adiamento da edição comemorativa para 2021 se faz coerente para o enfrentamento da curva crescente de casos da Covid-19 e devido às incertezas em torno da doença.

Desde março, o Senado suspendeu todos os eventos realizados na Casa, inclusive sessões solenes e especiais, e vem funcionando com grande parte de seu corpo funcional em regime de teletrabalho. Nesse período, a realização de sessões deliberativas remotas permitiu que senadores aprovassem, inclusive, em 19 de maio, o adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Em relação ao concurso de redação do Jovem Senador, vale ressaltar ainda que o período de inscrições, que seria iniciado em 30 de março, não chegou a ser aberto. Também não foram enviados os envelopes com o material de inscrição e divulgação para as mais de 20 mil escolas públicas estaduais de ensino médio de todo o Brasil. Isso porque aulas presenciais estão suspensas, o que dificulta a mobilização e o debate entre alunos e professores -- etapa fundamental do projeto.

No momento, especialistas e autoridades em saúde recomendam a manutenção das medidas de enfrentamento à pandemia. Análises e previsões do Ministério da Saúde indicam que cada estado deve adotar medidas específicas de combate à doença, de acordo com a evolução regional da “curva de contágio”, o que impossibilita a definição de um calendário único para todo o país. Portanto, no curto prazo, cumprir planejamentos para a edição 2020 do Jovem Senador será incerto.

Além de todas as dificuldades operacionais que antecedem o Jovem Senador, o convívio intenso por uma semana entre jovens estudantes representantes de cada estado e do Distrito Federal, marca a essência do projeto, e só poderá acontecer com o aproveitamento seguro e pleno após superada a pandemia no Brasil.

Sendo assim, contamos com a compreensão de todos os envolvidos, parceiros e sociedade, para que a 10ª edição comemorativa do Jovem Senador possa ser celebrada com todo o seu potencial em 2021.

IMPRIMIR | E-MAIL Compartilhar: Facebook | Twitter | Google+ | Pinterest

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 0 61 2211