Adolescência e o despertar para o exercício da cidadania


Externa

Jovem Senador faz videoconferência com representantes de secretarias

Intranet do Senado Federal

A equipe do programa Jovem Senador realizou nessa segunda feira (8) videoconferência com representantes das secretarias de educação dos estados e do Distrito Federal para discutir o prazo – 16 de agosto – para as escolas enviarem a redação do estudante que participará do concurso que selecionará os jovens senadores deste ano. O tema este ano é Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil.

Segundo o chefe do Serviço que organiza o programa Antônio Carlos Burity, a videoconferência, via Skype, evitou que os coordenadores viajassem a Brasília, o que permitiu uma economia dos recursos.

— A realização dessa videoconferência é um passo importante em direção à racionalidade dos recursos públicos. Em ocasiões anteriores, fizemos presencial. Agora essa experiência foi bem interessante e, sempre que possível, utilizaremos a videoconferência — disse Burity.

A reunião virtual teve dois momentos, pela manhã e à tarde, para permitir que os 54 coordenadores, dois de cada unidade da Federação, participassem. Além de esclarecer as dúvidas, a equipe do programa orientou os coordenadores a se atentarem para o prazo final das escolas enviarem para as respectivas secretarias as redações.

Cada secretaria selecionará três redações, que deverão ser enviadas ao Senado até 20 de setembro. Uma comissão julgadora classificará os textos. O estudante da redação que ficar em primeiro lugar representará seu estado como jovem senador no período de 25 a 30 de novembro de 2019.

Podem participar do programa alunos, de até até 19 anos, do ensino médio de escola pública estadual ou do Distrito Federal.


IMPRIMIR | E-MAIL

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11