Senadores celebram o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência

Elisa Chagas | 21/09/2020, 14h22

Senadores se manifestaram sobre o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência, celebrado nesta segunda-feira (21). Para o senador Romário (Podemos-RJ), esta é uma data para lembrar que a luta por inclusão e respeito acontece todos os dias, já que as pessoas com deficiência enfrentam preconceitos e barreiras diariamente.

“Nós, os representantes da população, devemos garantir o direito dessas pessoas a uma vida independente e feliz. Elas têm direito de fazer parte do mercado de trabalho, construir família e realizar sonhos. Já conquistamos algumas vitórias no Congresso, mas sigo na luta no Senado e conto com o apoio dos meus colegas e da sociedade em geral para garantirmos um Brasil mais inclusivo e menos preconceituoso”, escreveu Romário no Twitter.

Já a senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) publicou um vídeo em homenagem à data.

— Depois de 26 anos assinando com a boca, consegui recentemente escrever meu nome com a mão! E divido esse momento hoje com vocês, Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, para mostrar o quão capazes somos, para mostrar nossa resiliência e vontade de transformar! — disse Mara.

O senador Elmano Férrer também falou sobre o dia nas redes sociais.

"Através da inclusão social, respeito e igualdade vamos construindo um país melhor."

O senador Izalci Lucas (PSDB-DF) também se manifestou.

“Respeite as diferenças. Estamos juntos na luta contra a deficiência do preconceito”, disse ele. 

Os senadores Paulo Rocha (PT-PA), Rose de Freitas (Podemos-ÉS) e Maria do Carmo Alves (DEM-SE) também ressaltaram a importância da data. 

Já o senador Paulo Paim (PT-RS) demonstrou preocupação com o tema durante pronunciamento em Plenário na quinta-feira (17). Para o senador, a lei de cotas para pessoas com deficiência está sofrendo ameaças de retrocesso.

— Em quase 30 anos de existência, a chamada lei de cotas nunca sofreu tantos ataques como agora. Alegam que as empresas não encontram pessoas com deficiência com qualificação profissional. Isso não é verdade. E se for o caso, é só contratar e qualificar, como muitos setores estão fazendo.

Projetos

Durante a pandemia de coronavírus, diversos projetos de lei focados nas pessoas com deficiência física foram apresentados. Entre eles, proposta que regulamenta o direito a acompanhante para o paciente com deficiência internado em razão da covid-19 (PL 2.985/2020), de autoria de Romário.

O senador também apresentou projeto que determina o teletrabalho para empregados com deficiência e pertencentes a grupo de risco (PL 2019/2020) e projeto que assegura condições especiais ao estudante com deficiência ou doenças raras (PL 1.913/2020).

Romário apresentou ainda o PL 2.188/2020 para instituir condições excepcionais para captação de recursos para o Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência, durante o ano-calendário de 2020, em decorrência da pandemia de covid-19.

Mara apresentou o projeto que determina a oferta de transporte diferenciado ao acompanhante que preste atendimento a pessoa com deficiência enquanto durarem os efeitos da pandemia (PL 2.178/2020).

A senadora também apresentou projeto que determina a inclusão de informações relativas a raça e cor e à condição de pessoa com deficiência nas notificações de óbitos e de casos suspeitos ou confirmados de covid-19 (PL 3.411/2020).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
10h48 Comissão do Pantanal: Senadores aprovaram requerimento de audiência pública com Normando Corral, presidente do Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária, e com Sérgio Zen, pesquisador da Universidade de São Paulo.
10h47 Covid-19: Comissão de acompanhamento da pandemia debaterá evolução das vacinas em desenvolvimento e Plano de Operacionalização da Vacinação, elaborado pelo Ministério da Saúde (REQ 72/2020).
Ver todas ›