Regina Sousa denuncia as mortes por soterramento em armazéns de grãos

Da Redação e Da Rádio Senado | 17/10/2018, 17h03 - ATUALIZADO EM 17/10/2018, 17h10

A senadora Regina Sousa (PT-PI) denunciou nesta quarta-feira (17) as mortes por soterramento em armazéns de grãos. Ela leu reportagem realizada pela BBC News Brasil sobre o tema, lembrando que, no ano passado, 24 trabalhadores morreram por essa causa em silos de armazenamento, principalmente de soja.

A parlamentar afirmou em Plenário que os estados onde mais ocorrem estas mortes são exatamente os campeões do agronegócio. Ela disse ser necessária maior preocupação para evitar esse tipo de acidentes de trabalho.

Agrotóxicos

Ainda sobre a segurança dos trabalhadores rurais, Regina Sousa também se referiu à questão das doenças provocadas pelo uso dos agrotóxicos, inclusive alguns já proibidos em outros países.

— Tem uma região do meu estado em que as pessoas são acometidas de câncer, a família inteira com câncer, e o diagnóstico não é câncer por agrotóxico. Mas é de se achar que a família inteira — não é só uma família, são várias famílias da mesma região — tem câncer, e então tem que pelo menos se estudar para ver se isso realmente não é efeito do manuseio do agrotóxico — afirmou  a senadora.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)