Eduardo Lopes pede prioridade para a segurança pública nacional

Da Redação | 21/02/2018, 20h29 - ATUALIZADO EM 22/02/2018, 11h31

Em discurso no Plenário nesta quarta-feira (21), o senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) pediu prioridade para a segurança pública nacional. Ele sugeriu uma reflexão sobre as licitações que envolvem equipamentos e serviços relacionados à segurança, para dar mais agilidade nas compras e contratos para as polícias. O senador também pediu mais recursos para a segurança pública, inclusive para os municípios, e ações estratégicas para o combate ao crime.

Eduardo Lopes voltou a defender a intervenção federal no Rio de Janeiro. Ele foi o relator do decreto que trata do assunto, aprovado nessa terça-feira (20). O senador também destacou a criação de uma comissão externa, aprovada mais cedo, para acompanhar a intervenção. Conforme o requerimento do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a comissão externa terá três senadores titulares e outros três suplentes e vai acompanhar as atividades da intervenção e possíveis desrespeitos aos direitos humanos.

- O Rio de Janeiro merece dias melhores e vamos trabalhar para isso. Nós não podemos perder essa guerra – declarou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)