Gladson Cameli pede união para ajuda às vítimas das enchentes no Acre

Da Redação | 08/02/2017, 21h02 - ATUALIZADO EM 08/02/2017, 21h12

As enchentes provocadas pelos Rios Juruá e Tarauacá, no Acre, e a visita às áreas atingidas pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, na última sexta-feira (3), foram o assunto central do discurso desta quarta-feira (8) do senador Gladson Cameli (PP-AC). Com outros parlamentares, Gladson acompanhou o ministro na visita aos municípios prejudicados pelas cheias.

Ele disse que toda a classe política do seu estado precisa estar unida diante dessa calamidade e contar com a ajuda do governo federal. Registrou a presença no Plenário de prefeitos de cidades situadas na calha do Rio Juruá e que viajaram a Brasília atrás do auxílio federal.

O senador os acompanhou nas reuniões com os ministros da Saúde e dos Transportes. Ele informou que falou também com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho e que falaria com o chefe da Defesa Civil para que os mantimentos arrecadados fossem entregues aos prefeitos que conhecem de perto a situação das famílias mais necessitadas.

Indicação ao STF

Ainda no pronunciamento no Plenário, Gladson parabenizou a indicação do ministro licenciado da Justiça, Alexandre de Moraes, para o Supremo Tribunal Federal.

— Sabemos da sua biografia, da sua competência e da sua determinação — ressaltou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:
PP Pronunciamento Senador Gladson Cameli