Aprovado projeto que alerta para uso indiscriminado de anabolizantes

Sergio Vieira | 03/11/2015, 14h38 - ATUALIZADO EM 03/11/2015, 15h26

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) aprovou nesta terça-feira (3) o projeto de lei (PLS) 120/2015, de autoria do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), que obriga os estabelecimentos esportivos, academias de ginástica e clubes a afixarem em suas dependências, em locais de fácil visualização, mensagens de advertência sobre os malefícios do uso indiscriminado de esteróides anabólicos androgênicos (EAAS) ou anabolizantes, suas consequências e as penalidades legais.

A proposta teve o apoio do relator Telmário Mota (PDT-RR), que considera cada vez maior o número de usuários desses anabolizantes, "iludidos por um padrão de beleza imposto pela mídia".

— Muitos, principalmente jovens, buscam uma maneira de se enquadrarem a esse padrão custe o que custar. E acabam fazendo uso de substâncias que são maléficas à saúde — alertou.

Telmário ainda reiterou que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) também recomendou a aprovação da proposta, além de lembrar que o uso desses anabolizantes são considerados doping pelas entidades esportivas internacionais.

O projeto será agora analisado em caráter terminativo pela Comissão de Assuntos Sociais.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)